Clube Oriental de Lisboa, comemora hoje 71 anos de uma história repleta de êxitos

O Clube Oriental de Lisboa, celebra hoje o seu 71º aniversário. O clube de Marvila foi fundado a 8 de Agosto de 1946, resultando da fusão de três emblemas (Chelas Futebol Clube, Marvilense Futebol Clube e o Grupo Desportivo Os Fósforos).

Rui de Seixas (Presidente do Chelas Futebol Clube), uma década antes, já havia tentado a fusão dos três emblemas de molde, a formar um clube único que representasse toda a zona oriental da cidade de Lisboa. No entanto, a ideia foi severamente criticada entre os seus homólogos, fruto da rivalidade existente entre as três colectividades. Dez anos de acérrimas disputas por troféus e de rivalidades locais, o destino quis que fosse no “Café Gelo”, que os dirigentes e associados, quebrassem o clima de desunião entre os três, aprovando a fusão clubística em Abril de 1946.

Três meses passados e eis que em Julho, as assembleias gerais aprovam com 89% o novo “três em um”, que viria  a fazer nascer, o Clube Oriental de Lisboa.

O clube grená nasce a 8 de Agosto de 1946, com a assembleia-geral a decorrer nas instalações do Marvilense. Burocracias legais tratadas, foram aprovados os estatutos e redigida a primeira acta oficial da nova agremiação. Neste último documento, os três clubes fundadores declararam os bens materiais que tinham para disponibilizar ao COL, sendo igualmente definidas as cores (grená na camisola, calções brancos e meias em ambas as cores) e por unanimidade, o emblema é composto pela junção dos logótipos dos três clubes antecessores.

O COL faz a sua enteia contra o rival e então campeão nacional em título Os Belenenses, com os azuis a ganharem por 2-1 no campo das Salésias.

Em termos estatísticos:

Na época de 1946/47 o clube de Marvila faz a primeira temporada oficial, sendo vencedor da série 7 do segundo escalão do futebol português.

1949/50 é a época gloriosa, ganharam a Série C da 2ª Divisão para alcançar pela primeira vez, a promoção à 1ª Divisão, onde se estreou com um honroso quinto lugar. Nesta primeira incursão pelo principal escalão do futebol português, o Oriental permaneceu durante três épocas, regressando em 1956 para mais duas temporadas consecutivas, feito repetido em 1973/74 e 1974/75

Actualmente o clube milita na Série E do Campeonato de Portugal.

O Presidente João Torga, ao abrigo do aniversário do clube, relembrou “é dia de festejar mas também de pensar no futuro, já com olhos postos na época desportiva que está prestes a começar. Esperamos fazer um campeonato tranquilo mas só o conseguiremos se nos mantivermos unidos”, o presidente pediu a mobilização de toda a comunidade orientalista: “o acompanhamento e apoio dos nossos sócios e adeptos terá um peso decisivo nesta caminhada”.

PARABÉNS COL !!

PARABÉNS ORIENTAL !!

 

 

Guilherme Freire Coelho

Alfacinha apaixonado pela vida e por futebol. Defendo-o como desporto, respeito-o pela vertente social e admiro-o como espectáculo. A bola, é mero instrumento para os "artistas" brilharem. Não escrevo sobre bola mas sim, sobre Futebol, sempre de forma transparente, com fair-play e....sem respeito pelo acordo ortográfico.....

Deixe uma resposta