Depois da Holanda “dizer” adeus ao Mundial, o adeus de Dick Advocaat

Após ter falhado o apuramento para o Mundial 2018, Dick Advocaat anunciou, esta quarta-feira, que irá abandonar o cargo de selecionador holandês.

O técnico de 70 anos chegou ao comando da seleção holandesa a 9 de Maio de 2017, após passagem pelo Fenerbahçe. A incapacidade em alterar o rumo dos acontecimentos na fase de qualificação levou a que estivesse somente 6 meses no desempenho de funções.

A decisão terá efeito após os jogos amigáveis da laranja mecânica frente a Escócia e Roménia. O Mundial de 2018 será a segunda competição de seleções que a Holanda irá falhar. A seleção foi uma das grandes ausentes do Europeu de 2016, realizado em França.

André Fernandes

Licenciado em Ciências da Comunicação pela FCSH/NOVA. Madeirense, adepto de futebol e da escrita, marcar golos na vida e chegar o mais longe possível é um dos meus objetivos.

Deixe uma resposta