Nuno Saraiva responde ao facto de Francisco J Marques ter apelidado Nelson de “chico esperto”

O diretor de comunicação do Sporting, Nuno Saraiva, em entrevista ao canal leonino, comentou as declarações que alguns dirigentes do FC Porto proferiram após o encontro da Taça da Liga. Nomeadamente, no que concerne a dois lances polémicos como um alegado penalty sobre Bas Dost e um golo anulado a ‘Tiquinho’ Soares por fora de jogo. Em relação ao facto de Nelson Pereira estar atrás da baliza de Patrício aquando da marca das grandes penalidades, o responsável verde e branco, não deixou o rival sem resposta.

Nuno Saraiva aconselhou a direcção portista a recorrer às declarações de António Perdigão, comentador do Porto Canal, especialista em arbitragem: “Vi o presidente do FC Porto, Jorge Nuno Pinto da Costa e o diretor de comunicação, Francisco J. Marques, a fazerem um ataque ao videoárbitro (VAR). Também ouvi o treinador do FC Porto dizer que o lance de fora de jogo assinalado a Soares, é muito duvidoso. Recomendaria a todos que vissem e ouvissem, em loop, aquilo que um especialista de arbitragem do Porto Canal, António Perdigão, disse sobre os dois lances”

O dirigente leonino comentou ainda, o facto de Francisco J Marques ter ofendido o treinador de guardardes leonino: “Achei muita graça ao diretor de comunicação do FC Porto, que no final do jogo estava preocupado ao dizer que havia um chico esperto atrás da baliza a dar indicações ao Rui Patrício. O Nélson Pereira merece respeito, é um dos últimos guarda-redes campeões nacionais do Sporting, coisa que o diretor de comunicação do FC Porto ainda não foi. Em vez de andar a publicar bolinhas sobre onde estava o Nélson, acho curioso que não tenha publicado nenhuma fotografia a explicar porque razão um elemento da equipa técnica do FC Porto abandonou a equipa na marcação dos penalties. Devia estar à procura de alguma racha no Estádio… isso é que ele deveria explicar porque aconteceu”.

Guilherme Freire Coelho

Alfacinha apaixonado pela vida e por futebol. Defendo-o como desporto, respeito-o pela vertente social e admiro-o como espectáculo. A bola, é mero instrumento para os "artistas" brilharem. Não escrevo sobre bola mas sim, sobre Futebol, sempre de forma transparente, com fair-play e....sem respeito pelo acordo ortográfico.....

Deixe uma resposta