Bomba em Espanha: Iñigo Martínez no Athletic Bilbao

É já o momento mais marcante de 2018 no futebol espanhol. O central – e capitão – Iñigo Martínez abandonou a Real Sociedad e juntou-se ao rival, o Athletic Bilbao, depois de ter sido acionada a cláusula de rescisão, no valor de 32 milhões de euros.

O Athletic necessitava de uma opção para o centro da defesa, depois da saída de Laporte para o Manchester City, e conseguem assim a principal referência dos rivais, numa operação surpreendente (já esteve com um pé no Barcelona, tendo sido também fortemente associado ao Man. City) que pode ser equiparada à transferência de Luís Figo do Barcelona para o Real Madrid.

Recorde-se que no Athletic só são permitidos jogadores nascidos no País Basco, ou que tenham ligações familiares à região. Com base nestes condicionalismos, e aliado ao facto de Martínez também ser canhoto e jogar do lado esquerdo, e de já ter 7 anos de La Liga, dificilmente haveria melhor opção.

O clube anunciou oficialmente a aquisição do jogador num comunicado, onde refere que foi o próprio Iñigo Martínez a depositar na sede da Liga Espanhola a cláusula de rescisão de 32 milhões de euros, ficando livre para depois assinar pelos Leones. O defesa, de 26 anos, assinou até 2023, ficando com uma cláusula de rescisão de 80 milhões de euros. Segundo informação veiculada na imprensa do país vizinho, o central tornar-se-á o jogador mais bem pago do plantel, com um vencimento anual na ordem dos 5 milhões de euros limpos.

 

 

 

Marco Pereira

Amante do desporto, respira futebol e considera-o uma das suas grandes paixões. É licenciado em Línguas Aplicadas pela Universidade do Minho.

Deixe uma resposta