Jiménez e o que falhou na Luz: “Era difícil ser titular”

Raúl Jiménez está a viver os seus melhores dias no Wolverhampton, para onde se mudou por empréstimo do Benfica. O mexicano já soma 11 golos e seis assistências na equipa orientada por Nuno Espírito Santo.

Em declarações ao site oficial do clube inglês, o avançado admitiu mesmo estar a viver um sonho: “Sonhava em vir para a Premier League, mas não sabia se conseguia cá chegar.”

“Coletiva e individualmente estamos muito bem. Estamos a jogar mais do que apenas a permanência», disse, também falando do resto da equipa: «Dou-me muito bem com os meus colegas, tanto dentro de campo como fora dele.

O mexicano também comentou as passagens pelo Atlético Madrid e pelo Benfica: «Os meus primeiros anos na Europa foram complicados, o ter de chegar a um clube novo e ter de me adaptar. Aprendi muito no Atlético Madrid, com grandes jogadores e treinadores, e isso ajudou-me muito”, revelou o avançado.

E o que falhou no Benfica? “No Benfica era difícil ser sempre titular. Jogava um ou dois jogos e ainda me lesionei duas ou três vezes. Isso fez com que depois fosse difícil voltar a ter um lugar no onze até porque os outros avançados também estavam a marcar.», finalizou.

Ricardo Oliveira

Oriundo da mesma terra do melhor jogador do mundo, a paixão pelo futebol não podia ser maior. Licenciado em Ciências da Comunicação na FCSH, gosta de escrever e está sempre de braços abertos a novos projetos.

Deixe uma resposta