Nuno e Marco com tarde para esquecer na Premier

Esta tarde, a sorte não esteve do lado dos portugueses em Inglaterra. O Everton de Marco Silva e o Wolves de Nuno Espírito Santo saíram ambos derrotados das respetivas partidas a contar para a jornada 34 da Premier League.

O Wolverhampton, equipa mais portuguesa de Inglaterra, perdeu por 3-1 no reduto do Southampton. Nathan Redmond bisou para os da casa e Shane Long fechou o marcador. O ex-central do SC Braga e FC Porto Willy Boly ainda reduziu para os “lobos”, mas não foi suficiente para roubar a vitória ao Southampton, que luta ainda pela manutenção.

Já o Everton foi a Londres e perdeu por dois golos sem resposta frente ao já despromovido Fulham. Cairney e Ryan Babel marcaram para os londrinos, num jogo em que André Gomes foi titular e completou os 90 minutos.

O Wolverhampton mantém assim os mesmos 47 pontos, mais um que o Everton. Oitavo e nono classificado, respetivamente, os conjuntos atrasam-se desta forma na luta pelo 7º posto da Premier, que pode garantir acesso à Europa.

 

Rui Casanova

Sou natural de Portalegre e resido em Lisboa, onde estudo Ciências da Comunicação na NOVA-FCSH. O Futebol está no sangue da minha família desde sempre e materializo a paixão pelo desporto rei através da escrita.

Deixe uma resposta