Beto Acosta lamenta não ter tido a sorte de jogar com Cristiano Ronaldo

Beto Acosta deixou bem vincada a sua “pegada de leão” no Sporting, tendo sido campeão pelo emblema de Alvalade na época 199/2000. O goleador argentino somou 48 golos em 99 jogos de leão o peito. Beto Acosta não esquece o Sporting e um apanha-bolas muito especial, que dá pelo seu nome de Cristiano Ronaldo.

Numa entrevista concedida à ESPN, o antigo campeão leonino que também conquistou uma Supertaça no ano 2000, lamentou o facto de não ter tido hipótese de jogar com o então jovem talento português, hoje um talento Mundial.

O argentino manifestou alguma desilusão por não ter tido a sorte de ter estado em campo com “CR7”: “Não, não joguei com o Cristiano. Ele era apanha bolas. Ele já contou, numa entrevista, que dava lhe muito gosto ver jogar o Sporting que conseguiu ser campeão depois de 17 anos. Falava-se muito do Cristiano, porque era muito jovem, estava nas camadas jovens e ‘partia’ toda a gente. Falava-se o tempo todo sobre ele. Depois ele contou que esteve como apanha bolas em alguns jogos. Não tive a sorte de jogar com ele. Depois vim-me embora e ele estreou-se nesse mesmo ano”

 

 

 

 

Guilherme Freire Coelho

Alfacinha apaixonado pela vida e por futebol. Defendo-o como desporto, respeito-o pela vertente social e admiro-o como espectáculo. A bola, é mero instrumento para os "artistas" brilharem. Não escrevo sobre bola mas sim, sobre Futebol, sempre de forma transparente, com fair-play e....sem respeito pelo acordo ortográfico.....