Centurión é opção para os leões

Olhando já para a próxima temporada, o Sporting equaciona possíveis reforços, mediante as saídas do plantel (destaque para Jesé Rodríguez e Yannick Bolasie) e as possibilidades financeiras após a pandemia atual; um extremo é uma das prioridades.

Um dos nomes associados ao clube pela imprensa nacional é Ricardo Centurión. O extremo argentino está emprestado pelo Racing Avellaneda ao Vélez, ambicionando um regresso ao futebol europeu (já representou os italianos do Génova) de forma a conseguir maior destaque entre as escolhas na seleção argentina.

Os leões teriam que pagar 200 mil euros por um empréstimo numa fase inicial, seguido de uma opção de compra negociável, em torno dos 3,5 milhões. O clube teria também que suportar o salário bruto do jogador, 1,6 milhões.

Centurión pode jogar em ambos os flancos e a segundo avançados. Tem sete jogos disputados em 2020, marcando por duas vezes e assistindo outras duas. Será o argentino o primeiro reforço de Rúben Amorim?

José Horta

Não nasci a gostar de futebol, mas quando comecei nunca mais quis outra coisa. Algarvio de nascença mas adepto do futebol para além daquele que se joga na praia. Sempre atento aos contornos e novidades do "Desporto Rei", "Beautiful Game" ou lhe quiserem chamar. Aluno universitário de Ciências da Comunicação na FCSH.