Campeonatos Distritais não terão subidas ao Campeonato de Portugal

Os campeonatos distritais não terão nenhum clube a subir ao Campeonato de Portugal no final da época. O terceiro escalão nacional, por sua vez, também não terá equipas a descer de divisão.

A decisão, que vai ser ratificada na próxima reunião da direção da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), mantém o quadro competitivo do terceiro escalão nacional, que foi cancelado em 08 de abril, devido à pandemia de covid-19, altura em que a FPF já tinha anunciado “dar por concluídas, sem vencedores, todas as suas competições  seniores , (…) não sendo atribuídos títulos nem aplicado o regime de subidas e descidas”.

Com isto, embora algumas associações distritais defendessem as promoções dos respetivos campeões ao Campeonato de Portugal, alterando o modelo competitivo da prova (por exemplo, criando um quarto escalão nacional com menos equipas), tais propostas acabaram rejeitadas pela FPF.

Ainda assim, foi deixada em aberto a possibilidade de integrar clubes que possam vir a ser despromovidos da II Liga ou até campeões dos distritais como substitutos de eventuais desistentes da terceira divisão, neste caso seguindo o ‘ranking’ das associações.

Esta decisão poderá vir a ser particularmente prejudicial para o CD Rabo de Peixe, emblema que já se tinha sagrado campeão virtual dos Açores à data da suspensão dos jogos.

 

Imagem: Município de Santo Tirso / rcoimbra

Duarte Rosa

"Alfacinha" de gema, sportinguista de coração. Desde o clube à seleção nacional, o amor pela bola está presente desde cedo. A licenciar-se em Ciências da Comunicação, na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, esta paixão pela escrita e pelo futebol forma uma dupla interessante, que espera vir a agradar aos seus leitores.