Lembra-se de… Fernando Meira?

Defesa central “à antiga”. 1,90m, 84 kg, jogando preferencialmente com o pé direito, eis Fernando Meira, o confesso adepto do Vitória Sport Clube.

Fez a sua estreia na época 1995/96, jogando 35 minutos, num jogo de má memória para o Vitória, que perdeu por 4-0, logo contra o seu rival, SC Braga, que goleou a equipa vimaranense na sua casa.

Estreou-se com 18 anos nesse jogo e na época seguinte fez 15 jogos e por lá continuou outras três épocas (apesar de uma ter sido de empréstimo ao FC Felgueiras).

Entrava um novo milénio e uma mudança de paradigma para Fernando Meira. Quatro milhões levaram-no diretamente de Guimarães para Lisboa, para jogar pelo Benfica. Fez época e meia no clube encarnado, 55 jogos e dois golos.

Após isso, viria outro passo na carreira: o Estugarda. A troco de sete milhões de euros, mudou-se para o clube alemão onde fez sete anos de carreira e onde foi capitão.

A 22 de julho de 2008, deixou o clube para representar o Galatasaray. Ficou no clube turco uma época e fez 38 jogos.

Em março de 2009 é transferido para o Zenit, clube que representou por três épocas até ter ido para o Saragoça em 2011. Uma época depois decidiu rescindir contrato, fruto de várias lesões sofridas terminando assim carreira aos 34 anos.

Nesta carreira de grande profissionalismo e de um central exemplar, Fernando Meira foi ainda internacional A por 54 vezes tendo feito a sua estreia em 2008, frente à Suécia  num empate a zero numa qualificação para o Mundial, quando o selecionador nacional era Carlos Queiroz.

 

Fonte Imagem: pt.uefa.com

João Estanislau

Jornalista no site leonino.pt, sou licenciado em Comunicação Empresarial pelo ISCEM, tenho uma pós-graduação em Gestão e Marketing do Desporto pelo INDEG-ISCTE e encontro-me a frequentar outra em Director Técnico Desportivo para a Universidade Europeia. Sempre ligado ao futebol e à comunicação, pretendo partilhar contigo a minha visão do desporto rei. Fica atento!