A polémica continua e Nakajima não teve direito a medalha de campeão

A passada noite de segunda-feira foi marcada pela goleada do FC Porto por 6-1 ao Moreirense, mas também pela entre do troféu de campeão nacional aos dragões. Contudo, nem todos os jogadores do plantel azul e branco puderam festejar.

Depois de nas últimas semanas ter estado no centro das atenções por se ter recusado a treinar com a restante equipa, Nakajima parece ter sido completamente afastado do plantel portista.

O extremo japonês já não tinha sido convidado para assistir ao encontro frente ao Sporting da jornada passada, quando apenas um empate bastava para o FC Porto ser campeão, e voltou a não ser visto no Dragão para a partida de consagração do título nacional frente ao Moreirense.

Aliás, o seu nome não constava mesmo nos cubos erguidos numa parte destacada do relvado a identificar os vencedores da Liga 2019/2020.

Este afastamento total terá sido assim um castigo por parte de Sérgio Conceição e da SAD portista pelo extremo se ter recusado a integrar a maioria dos treinos da equipa realizados após a Direção-Geral da Saúde ter autorizado a retoma dos clubes e do Campeonato.

No final da partida, quando questionado pela ausência de Nakajima nos festejos do título das últimas duas partidas, o treinador do FC Porto Sérgio Conceição remeteu explicações para a SAD do clube.

 

Fonte da Imagem: Twitter FC Porto

Francisco Carvalho

Desde tenra idade que duas paixões me cativaram, desporto e a escrita, sendo a sua união o cenário ideal. Cedo percebi que com esforço e dedicação poderia juntar uma paixão a uma profissão, sendo o jornalismo a resposta. Numa geração onde a banalização e a desvalorização da informação são recorrentes, quero mostrar a relevância do mundo jornalístico em toda esta sociedade cativante que nos rodeia.