Volvidas 28 temporadas, Carlos Xistra faz soar o apito final

Carlos Xistra despediu-se ontem do futebol. O encontro entre o FC Porto-Moreirense, a contar para a 33ª jornada da I Liga, foi o derradeiro jogo da carreira do árbitro de 46 anos.

O  albicastrense esteve ao serviço da arbitragem durante 28 temporadas tendo-se iniciado na época 1992/93, salientando-se o facto que nas últimas 20 esteve sempre integrado no escalão principal. Conta ainda no seu currículo profissional com insígnias de internacional durante 11 temporadas, compreendidas entre 2008/09 e 2018/19.

O Estádio do Dragão foi o último relvado que pisou como árbitro e as lágrimas invadiram o rosto de Carlos Xistra que  exibiu uma camisola com a frase: “Obrigado família e amigos”.

No momento da despedido o árbitro internacional deixou um apelo: “É importante que as pessoas percebam que nós tentamos sempre dar o nosso melhor. Nenhum árbitro é masoquista e maquiavélico ao ponto de querer ser notícia, porque isso só acontece quando corre mal. Queremos ser ainda melhores, mais competentes, ajudar o futebol português a evoluir, mas erramos o como os jogadores erram”

 

 

 

Foto: Imagem Sport TV

Guilherme Freire Coelho

Alfacinha apaixonado pela vida e por futebol. Defendo-o como desporto, respeito-o pela vertente social e admiro-o como espectáculo. A bola, é mero instrumento para os "artistas" brilharem. Não escrevo sobre bola mas sim, sobre Futebol, sempre de forma transparente, com fair-play e....sem respeito pelo acordo ortográfico.....