Heriberto despediu-se do Benfica depois de assinar pelo Brest

“Anos de muita resiliência e aprendizagem a nível profissional e pessoal”. Foi assim que Heriberto classificou a passagem de quatro anos pelo Benfica, que termina com uma transferência para o Brest, que subiu à primeira divisão francesa.

Aos 23 anos, Heriberto já passou por alguns dos maiores clubes portugueses. Com grande parte da formação concluída no Sporting, uma época de passagem pelo Belenenses e finalmente a equipa B dos encarnados, “Heri” auspiciava uma carreira promissora. Dois empréstimos depois (Moreirense e Boavista), o extremo assinou pelo Brest e deixa definitivamente o Benfica.

“Chegou ao fim a minha ligação a esta grande instituição, levo grandes recordações destes quatro anos, dois jogando pela equipa B e outros dois emprestado. Anos de muita resiliência e aprendizagem a nível profissional e pessoal”, disse Heriberto na sua conta oficial de Instagram.

David Silva

Contar a minha história é falar de futebol. Primeiro, a paixão. Depois, a prática. Em seguida, uma deslocação de 71km entre a Lourinhã e a NOVA/FCSH, onde concluí o curso de Ciências da Comunicação, em 2019. Pelo meio, nove meses de estágio memoráveis no Canal 11, na Cidade do Futebol. E por fim, a paixão. Sempre.