Wolves está fora da Liga Europa da próxima época, mas ainda pode ir à Liga dos Campeões

É oficial, o Wolverhampton não participará na edição 2020/21 da Liga Europa, uma vez que o Arsenal bateu o Chelsea na final da Taça de Inglaterra este sábado, ficando assim com a última vaga inglesa para a competição.

À entrada para a partida, o Chelsea já tinha garantido o quarto lugar na tabela classificativa da Premier League, o que queria dizer que já tinha também garantida a sua vaga na Liga dos Campeões para a próxima época. Com isso, em caso de vitória dos blues, os Wolves qualificar-se-iam para a Liga Europa, visto terem ficado no sétimo lugar, um abaixo dos lugares que dão acesso às competições europeias.

Contudo, essa vaga ficou mesmo ocupada pelo Arsenal, que, embora tenha terminado o campeonato num decepcionante nono lugar, venceu os seus rivais londrinos na final da FA Cup, que dá acesso à Liga Europa e “roubou” assim a oportunidade da armada portuguesa do Wolves participar novamente na competição no próxima época.

No entanto, apesar de já não poder participar na Liga Europa 2020/21, o Wolverhampton pode ainda participar na Liga dos Campeões. Como? É muito simples na verdade, é que a formação inglesa está ainda a competir na edição atual da Liga Europa e o vencedor da competição tem direito a uma vaga na Liga dos Campeões da época seguinte.

Para isso, a equipa mais portuguesa da Premier League irá já (re)começar a luta pela conquista da Liga Europa no próximo dia 6 de agosto, quando defrontar os gregos do Olympiakos, treinados por Pedro Martins, na segunda-mão dos oitavos-de-final, depois de na primeira-mão se ter verificado um empate a uma bola.

 

Fonte da Imagem: Twitter oficial Wolverhampton

Francisco Carvalho

Desde tenra idade que duas paixões me cativaram, desporto e a escrita, sendo a sua união o cenário ideal. Cedo percebi que com esforço e dedicação poderia juntar uma paixão a uma profissão, sendo o jornalismo a resposta. Numa geração onde a banalização e a desvalorização da informação são recorrentes, quero mostrar a relevância do mundo jornalístico em toda esta sociedade cativante que nos rodeia.