Lembra-se de Karl-Heinz “Kalle” Rummenigge, o Panzer alemão

Já há muito pouca gente que se lembra do craque alemão Rummenigge, ou “Kalle” como era carinhosamente apelidado pelos adeptos, mas o avançado alemão é uma das grandes lendas que completam a vasta lista de grandes jogadores mundiais. Desde os 19 anos que Kalle integrava o plantel principal do Bayern de Munique, mas foi na sua cidade natal, Lippstadt na Alemanha, que começou a dar os primeiros toques na bola.

Rummenigge, ao serviço dos bávaros, conquistou tudo na Alemanha, dois campeonatos, duas taças da Alemanha e ainda duas Ligas dos Campeões. Para além de todos estes títulos colectivos, o artilheiro alemão ganhou ainda o prémio de melhor marcador da Bundesliga por três vezes, numa das quais fez balançar as redes por 29 vezes. Kalle foi também vencedor da Bola d’Ouro em 1980 e 1981 pelas suas grandes actuações em duas épocas consecutivas. Ao serviço dos bávaros, Rummenigge apontou 217 tentos em 422 jogos.

Aos 29 anos, o artilheiro era capitão do Bayern e também da seleção da Alemanha Ocidental, pela qual foi campeão europeu em 1980.
Em Munique, Kalle começou a jogar médio ofensivo, onde desenvolveu duas características que o ajudaram a ser um dos maiores artilheiros alemães, os dribles curtos e as movimentações para a grande área, criando jogadas de perigo que muitas vezes ele próprio concluía, devido à sua tamanha eficácia e “instinto matador”, ganhou o apelido de Panzer, em referência a um tanque de guerra alemão.

Foi então que em 1984, Rummenigge se transferiu para o Inter de Milão por cerca de 5,7 milhões de euros. Em Milão o avançado não conseguiu alcançar os feitos realizados em Munique. Contudo, as várias lesões que teve fizeram com que o Panzer se torna-se mais lento a nível de movimentação, passando a ser um avançado mais fixo na área. As lesões que o abalaram, obrigaram Kalle a jogar menos dentro dos Nerazzurri, onde a sua melhor temporada foi a primeira, onde apontou 18 golos (8 na Serie A e cinco na ainda Taça UEFA), 2 deles na sua estreia frente à Juventus de Trapattoni, Rossi e Platini.

Em três temporadas ao serviço dos Nerazzurri, Rummenigge ficou para sempre gravado na memória dos adeptos do Inter, como um dos melhores jogadores do clube, onde apontou 42 golos em 107 partidas.

Depois de passar por duas das maiores ligas europeias de futebol, Kalle arrumou as malas e partiu rumo à Suiça, a custo zero, onde foi representar o Servette já em fim de carreira, em 1987 com 32 anos. Em três épocas onde emprestou o seu talento ao clube suíço, apontou 34 golos em 64 jogos.

Rumennigge é um dos maiores nomes alemães no que toca a artilheiros mundialmente conhecidos. Hoje em dia ainda se encontra ligado ao futebol, onde é presidente do conselho executivo do clube pelo qual jogou, Bayern de Munique, detentores actuais do titulo de Campeões Europeus.

Detalhes do artilheiro:

Nascimento: 25 de setembro de 1955, em Lippstadt (Alemanha Ocidental)

Clubes pelos quais jogou: Bayern Munique (1974-84)
Inter de Milão (1984-87)
Servette (1987-89)

Títulos: 2 Taças dos Campeões Europeus (1974-75 e 1975-76)
2 Bundesligas (1979-80 e 1980-81)
2 Taças da Alemanha (1981-82 e 1983-84)
1 Taça Intercontinental (1976)
1 Europeu (1980).

 

Fonte da Imagem UEFA Champions League Twitter

Emanuel Brasil

Nasci na cidade mais alta de Portugal e foi aqui que comecei a dar os primeiros toques no mundo da bola e a acompanhar os mesmos com a escrita que dá brilho ao jogo fora das quatro linhas. Com a bola de um lado e a caneta do outro, acabei por me licenciar em Ciências da Comunicação na UBI e onde tiro agora, o mestrado em jornalismo.