Crónica: Benfica bate Farense em exibição apagada das águias

O Benfica venceu hoje o Farense por três bolas a duas, num jogo pouco dinâmico e sem grande inspiração. A equipa de Faro não jogava na Luz há 18 anos, a última vez que estiveram presentes na primeira divisão.

O Benfica alinhou com: Vlachodimos, André Almeida, Jardel, Otamendi, Grimaldo, Gabriel, Pizzi, Rafa, Éverton, Waldschmidt e Darwin.

Destaque para a estreia de Nicolás Otamendi e para a titularidade de Jardel, colmatando a saída de Rúben Dias e a lesão de Jan Vertonghen.

Já a equipa algarvia contou com: Defendi, Alex Pinto, César, Scheid, Nunes, Isidoro, Cláudio Falcão, Oudrhiri Idrissi, Ryan Gauld, Lucca, Stojiljkovic.

A primeira parte foi bastante apagada para a formação da casa, com apenas algumas arrancadas e remates de ambos os lados. Uma dessas resultou no golo de Pizzi aos 15 minutos, depois de uma incursão de Rafa pela ala direita. O médio do Benfica rematou à entrada da área e a bola ainda embateu num defesa do Farense, enganando Defendi.

No segundo tempo, o jogo ficou mais aceso e dinâmico. Logo aos 51 minutos, o VAR assinalou um penálti cometido por Otamendi. Ryan Gauld falhou o penálti, mas este foi repetido, pois Vlachodimos estava adiantado. O guardião grego defendeu a segunda tentativa também. No canto consequente da defesa, Jonatan Lucca cabeceou para o empate do Farense.

O jogo demonstrava-se difícil para os encarnados. Foi então que Seferovic saltou do banco aos 55 minutos e fez a diferença com um golo de cabeça, ao minuto 79. O avançado suíço não ficou por aqui e apontou o seu segundo no jogo, um remate certeiro dentro da área ao minuto 87, assistido por Darwin que apontou a sua quarta assistência no campeonato.

Já nos minutos finais, o Farense reduziu para 3-2 depois de um erro flagrante de Otamendi, que se deixou desarmar por Patrick, pedindo falta, e deixou-o na cara do golo.

O jogo terminou 3-2, depois de uma vitória sofrida, tanto por mérito do Farense como por demérito do Benfica.

 

Fonte da imagem: Twitter- Information Glorious