Porto avassalador bate franceses na Champions

O Futebol Clube do Porto recebeu e venceu, por três bolas a zero, a equipa francesa de André Villas-Boas, o Marselha, na terceira jornada do Grupo C da Liga dos Campeões.

O jogo começou praticamente com o primeiro golo dos dragões. Corona foi feliz e ganhou alguns ressaltos na grande área dos franceses, depois, isolou-se e tocou ao lado para Marega encostar para a baliza deserta. 1-0 para os da casa e melhor começo era impossível.

Sérgio Conceição não inventou e alinhou com o 11 expectável. Marchesin na baliza, defesa a quatro composta por Manafá, Mbemba, Sarr e Zaidu; Corona, Sérgio Oliveira, Uribe e Otávio no meio campo e a frente de ataque entregue a Marega e Luis Diaz.

Apesar de não criar grandes ocasiões de perigo, ao minuto 10, Thauvin conquista um penálti sobre Sarr. Da marca dos 11 metros, Dimitri Payet, no frente-a-frente com Marchesín, chutou por cima.

A partida estava propícia a grandes penalidades. Minuto 28, novo penalty, desta vez para a equipa portuguesa; Sérgio Oliveira, o capitão azul e branco nesta noite, bateu o veterano Mandanda, apesar deste ter adivinhado o lado. Vantagem dilatada e o Porto fazia por merecer o resultado.

Até ao final da primeira parte, o Marselha foi tendo mais bola, no entanto nunca criou muito perigo e o Porto controlava com tranquilidade o jogo.

O árbitro espanhol Mateu Lahoz apitou para o início da segunda parte e o Porto voltava a entrar bem. O elevado ritmo de jogo azul e branco obrigava a equipa francesa a fazer diversas faltas. No entanto, a tentativa de travar o ataque dos dragões foi inconsequente. Aos 70 minutos, num contra ataque rápido, Corona tocou para Luís Diaz, que num remate de belo efeito, fez o 3-0.

Após a vantagem de três golos, o Porto tirou o pé do acelerador e entregou a batuta do jogo aos franceses, apesar de ainda criar perigo em algumas ingressões em contra ataque. Destaque para a primeira vez de Fábio Vieira com a braçadeira do FC Porto, o jovem dragão entrou aos 85 minutos e ainda foi a tempo de envergar a braçadeira.

Mais uma vitória para o Porto nesta Champions, a segunda em três jogos. Com esta vitória, os dragões isolam-se na segunda posição e dão um passo muito importante na luta pelo apuramento.

Fonte das imagens: Twitter do FC Porto.

Alexandre Ribeiro

Nascido e criado na ilha Terceira, nascido e criado para o futebol. Desde cedo aprendi, vivi e vibrei com o desporto rei. A licenciar-me em Ciências da Comunicação na FCSH da Universidade Nova de Lisboa. Com o futebol e a escrita espero proporcionar um espectáculo fora das 4 linhas para todos aqueles que partilhem o gosto pela bola e pelos seus artistas.