Nuno Espírito Santo é o Treinador do Mês de outubro da Premier League

Nuno Espírito Santo, treinador do Wolverhampton, recebeu o prémio de Treinador do Mês de outubro da Premier League. O técnico ex- Porto superou a concorrência de nomes como José Mourinho e foi distinguido pelo registo imbatível da sua equipa nas jornadas que tiveram lugar no período analisado pela liga inglesa.

O mês de outubro foi um período muito positivo para a armada lusa da qual faz parte o técnico, com os Wolves a terem registado três vitórias frente ao Fulham, Leeds United e Crystal Palace e apenas um empate frente ao Newcastle no período que foi o analisado pela Premier League na atribuição da distinção.

A conquista de dez pontos em 12 possíveis e ainda um saldo de cinco golos marcados e apenas um sofrido pelos “lobos” de NES fez com que o treinador de 46 anos fosse o escolhido para a nomeação do prémio, superando a concorrência de José Mourinho e ainda de David Moyes (West Ham), Dean Smith (Aston Villa) e Ralph Hasenhuttl (Southampton).

Espírito Santo reagiu à conquista da distinção afirmando que o mês de outubro, apesar do registo positivo da sua equipa, podia ter sido melhor: “Todos os jogos de outubro foram muito difíceis. Conseguimos recuperar do mau início no campeonato. Não foi um mês perfeito devido ao empate com o Newcastle, mas foi um mês muito bom e com boas exibições da equipa”, assumiu.

Heung- min Son foi ainda distinguido como o Jogador do Mês de outubro, após ter contribuído com quatro golos e duas assistências nos três jogos que disputou com a camisola do Tottenham no mês passado. O jogador sul- coreano reuniu desta forma mais votos que o seu colega de equipa, Harry Kane, Conor Coady (Wolves), Che Adams (Southampton), Pablo Fornals (West Ham),  Thiago Silva (Chelsea), Jack Grealish (Aston Villa) e Kyle Walker (Man. City).

Fonte da imagem de capa: Twitter@LCFCBrNews

Alexandre Dionisio

Desde pequeno fui levado ao mundo do futebol, inicialmente enquanto júnior no Ginásio Clube de Alcobaça, clube da minha cidade, e agora mais velho enquanto espetador assíduo do mágico desporto que tanto nos emociona. Com uma licenciatura em Ciências da Comunicação na bagagem e um mestrado em Jornalismo em curso, acompanho cada jogo com a máxima emoção. Que isso nunca mude.