Famalicão anuncia saída de João Pedro Sousa

Uma história de sonhos na temporada passada, mas que terminou em pesadelo. João Pedro Sousa já não é o treinador principal do Famalicão. O clube minhoto anunciou a saída do técnico no final do dia de ontem, através de um comunicado nas suas redes sociais.

No mesmo, os famalicenses revelam que “A SAD do Futebol Clube de Famalicão e o treinador João Pedro Sousa chegaram a acordo para a rescisão do contrato que ligava as duas partes desde o início da temporada 2019/2020” e que “todos os elementos da equipa técnica também deixam de exercer funções no clube”.

“A SAD do Futebol Clube de Famalicão agradece o empenho e profissionalismo que sempre empregaram ao serviço desta instituição, desejando os maiores sucessos pessoais e profissionais”, pode ainda ler-se na nota publicada pelos minhotos, que despedem-se assim do técnico que protagonizou a melhor classificação de sempre do clube na Liga NOS, levando o Famalicão até ao sexto lugar na temporada passada, com 54 pontos somados e ainda até às meias-finais da Taça de Portugal.

A posição delicada do Famalicão na tabela classificativa – o emblema situa-se no 15º posto da tabela classificativa, com apenas dois pontos de distância do último lugar, terá sido o grande motivo que levou à saída do técnico de 49 anos. Segundo a imprensa nacional, o principal candidato a poder vir a suceder a Sousa é Jorge Silas, que vinha sendo apontado ao comando do Hadjuk Split mas que não conseguiu entrar em acordo com os croatas.

João Pedro Sousa despede-se desta forma do FC Famalicão após duas épocas em que orientou um total de 59 encontros no seu comando e somou 21 vitórias.

Fonte da imagem de capa: Twitter @FCF1931_Oficial

Alexandre Dionisio

Desde pequeno fui levado ao mundo do futebol, inicialmente enquanto júnior no Ginásio Clube de Alcobaça, clube da minha cidade, e agora mais velho enquanto espetador assíduo do mágico desporto que tanto nos emociona. Com uma licenciatura em Ciências da Comunicação na bagagem e um mestrado em Jornalismo em curso, acompanho cada jogo com a máxima emoção. Que isso nunca mude.