Opinião: Um Benfica à espera de melhores dias

Parecem já longínquos os tempos em que víamos um Benfica a jogar, como se costuma dizer, à Benfica. Este ano, onde os investimentos foram altíssimos, os adeptos esperavam mais da equipa, do treinador e da presidência.

Quem não se lembra do Jonas, a fazer hat-tricks, a dominar na Liga e na Europa, ou até da jovem pérola, João Felix. Parecia que tudo era bonito e o Benfica jogava como nunca, dinâmico, rápido, com transições brutais que desmontavam qualquer defesa e uma finalização que raramente falhava.

Hoje o Benfica está mergulhado numa série de maus resultados e, infelizmente, o ataque tem de arcar com as culpas do que se sucede. Oportunidades não faltam, falta mesmo é finalizar as jogadas. Este Benfica parece acabado, pouco motivado e Jorge Jesus, ao contrário do que já mostrou por diversas vezes, parece também não conseguir contornar esta má fase.

Já não se via um Benfica assim há muitos anos, com muitos pontos perdidos em poucas jornadas; o titulo e o seu principal candidato já se encontram longe; a Liga Europa sabe-se hoje o desfecho e falta ainda a Taça de Portugal. Contudo, este é um Benfica que aparenta precisar de sangue novo, de motivação e de vontade. Vontade essa que muitas vezes parece já ter desaparecido e a mística do Benfica desapareceu também.

Cabe agora à equipa técnica, jogadores e presidência tentar reverter esta fase complicada para o clube da Luz, este é um Benfica que, realmente, está à espera de melhores dias.

 

Fonte da imagem: Twitter SL Benfica

Emanuel Brasil

Nasci na cidade mais alta de Portugal e foi aqui que comecei a dar os primeiros toques no mundo da bola e a acompanhar os mesmos com a escrita que dá brilho ao jogo fora das quatro linhas. Com a bola de um lado e a caneta do outro, acabei por me licenciar em Ciências da Comunicação na UBI e onde tiro agora, o mestrado em jornalismo.