Benfica vs Marítimo: Primeiro penálti do campeonato vital em noite de desperdício

O Benfica recebeu e venceu o Marítimo por 1-0, graças a grande penalidade convertida por Luca Waldschmidt na primeira parte.

O encontro relativo à 25º jornada do campeonato disputado no Estádio da Luz entre o Benfica e o Marítimo colocou o terceiro classificado e o último da tabela frente a frente num embate vital para ambos, aproximando-se gradualmente o fim da temporada.

Jorge Jesus deu a titularidade a: Helton Leite, Diogo Gonçalves, Otamendi, Lucas Veríssimo, Grimaldo, Weigl, Taarabt, Rafa, Everton, Waldschmidt e Seferovic.

Julio Velázquez lançou: Amir, Cláudio Winck, Andreas Karo, Zainadine, Renê Santos, Hermes, Edgar Costa, Bambock, Jean, Alipour e Tagueu.

Uma boa entrada do Benfica manifestou-se no domínio territorial da posse, com boa organização defensiva do conjunto insular a evitar a criação de grandes oportunidades para a formação da casa.

Contudo, surpresa para os encarnados, ao minuto 21 foi atribuído o primeiro penálti no campeonato para o Benfica, falta sobre Rafa e da marca dos 11 metros, Luca Waldschmidt foi eficaz, estava fixado o resultado final no marcador.

Gradualmente as águias foram avolumando o seu caudal ofensivo, com pouco espaço para o Marítimo poder atacar, mas sem eficácia no ataque, desperdiçando as poucas, mas boas, chances de perigo que obtia.

A tendência manteve-se no segundo tempo, com o nível de oportunidades desperdiçadas a agravar-se entre as quais destacam-se duas de Otamendi e Seferovic. O Marítimo não ficou indiferente a esta falta de eficácia. O nervosismo do Benfica perante a baliza adversária foi bem explorado, especialmente de bola parada, forçando Helton Leite a boas intervenções.

Aproximando-se o desfecho da partida, Amir voltou a brilhar defendo uma enorme ocasião nos minutos finais, desta vez com Chiquinho em destaque, pela negativa, rematando para defesa do guardião iraniano nos últimos minutos do jogo.

A margem mínima manteve-se até ao fim e a equipa lisboeta segue na perseguição ao FC Porto, que se encontra no segundo lugar, enquanto que o Marítimo mantém-se no fundo da tabela.

Imagem de capa: Twitter @SLBenfica

José Horta

Não nasci a gostar de futebol, mas quando comecei nunca mais quis outra coisa. Algarvio de nascença mas adepto do futebol para além daquele que se joga na praia. Sempre atento aos contornos e novidades do "Desporto Rei", "Beautiful Game" ou lhe quiserem chamar. Aluno universitário de Ciências da Comunicação na FCSH.