Resumo da 1ª mão dos quartos de final da UEL

Esta quinta-feira, dia 8 de abril de 2021, realizou-se a primeira mão dos quart0s de final da segunda prova de clubes mais importantes da europa. Não faltaram momentos caricatos, no entanto, em alguns momentos, faltou emoção a esta jornada europeia.

Ajax 1-2 AS Roma

No Estádio Johan Cruijff, defrontaram-se dois grandes do futebol europeu. A equipa de Paulo Fonseca, apesar da superioridade evidenciada em alguns momentos, teve uma primeira parte para esquecer, com a lesão de Spinazzola e com a oferta de Diawara a Klaassen, que consequentemente deu o primeiro golo à equipa da casa. No entanto, o descanso ao intervalo e o penalti defendido no inicio da segunda parte por Pau López, fizeram a equipa italiana sonhar. Aos 56 minutos, um livre de Pellegrini, em que o guardião holandês ficou muito mal na fotografia, empatou a partida e, já perto do apito final, na sequência de um canto, Ibanez fuzilou a baliza dos da casa e ditou o 1-2 final. Tudo em aberto para aquela que se perspetiva ser uma segunda mão bastante interessante.

Arsenal 1-1 Slavia Praga

Uma primeira parte boa para quem só podia assistir ao segundo tempo. A segunda parte começou com um livre direto ao poste de Willian; minutos depois, o Arsenal mostrava novamente a sua superioridade e Lacazette rematou com o mesmo destino de Willian, ao poste. Já perto do fim, numa corrida desenfreada de Pepe, deu a vantagem aos gunners, no entanto, engane-se quem pensava que o jogo estava acabado, porque aos 3 minutos dos descontos, um ressalto após um pontapé de canto permitiu aos visitantes o empate. A segunda mão será jogada na Républica Checa, em Praga.

Dinamo Zagreb 0-1 Villarreal

Marcar e gerir. O Villarreal foi à Croácia, a casa do Dinamo de Zagreb (local onde o Tottenham foi muito infeliz) e perto do intervalo inaugurou o marcador, de penalti, por Gerard Moreno. Depois, na segunda parte, apenas teve de ir gerindo a posse da bola, sem nunca meter o pé no acelerador. Agora, na segunda mão, prende-se uma dúvida, mais um jogo para gerir por parte dos espanhóis? Ou os croatas impingem mais uma remontada a um clube supostamente mais forte?

Granada 0-2 Manchester United

Jogo com vários portugueses em Espanha. O arbitro Artur Soares Dias apitou o jogo que pôs frente-a-frente o Granada de Domingos Duarte e Rui Silva contra o Manchester United de Bruno Fernandes. Num jogo equilibrado, mas com uma ligeira superioridade dos Red Devils, foram mesmo os visitantes a adiantarem-se no marcador, Lindelof, com um passe teleguiado, descobriu Rashford que, após uma receção exemplar, finalizou para o 1-0. Após o descanso, a superioridade, apesar de não ser muita, continuava-se a notar, por isso, um segundo golo dos encarnados não seria de estranhar, e foi o que acabou por acontecer. Já em cima do minuto 90, Bruno Fernandes, desta feita de penalti, alargou a vantagem no marcador. A segunda mão, jogada como visitada, deverá ter todas as condições para confirmar a passagem de Bruno Fernandes e companhia.

A segunda mão será jogada no dia 15 de abril e ditará quais as equipas que estarão presentes nas meias finais na edição 2020/21 da UEFA Europa League.

Fonte: UEL

Alexandre Ribeiro

Nascido e criado na ilha Terceira, nascido e criado para o futebol. Desde cedo aprendi, vivi e vibrei com o desporto rei. A licenciar-me em Ciências da Comunicação na FCSH da Universidade Nova de Lisboa. Com o futebol e a escrita espero proporcionar um espectáculo fora das 4 linhas para todos aqueles que partilhem o gosto pela bola e pelos seus artistas.