Resumo Liga Europa: Mais um passo rumo a Gdansk

Mais quatro jogos terminados e estamos cada vez mais próximos da final de Gdansk. Estão definidas as partidas das semifinais, com duelos entre portugueses.

O Manchester United já vinha da primeira mão com uma vantagem segura (2-0) e repetiu o resultado no segundo jogo. Marcou no início do jogo, por meio de Edison Cavani, e no final com um auto-golo de Jesus Vallejo. O Manchester United regressa assim às semifinais da prova, com esperanças de fazer mais que no ano passado.

A equipa de Paulo Fonseca, a Roma, tinha vencido em Amsterdão por 2-1, mas a eliminatória não estava fechada. Brian Brobbey marcou no início da segunda-parte, oferecendo ao Ajax alguma esperança. Os holandeses ainda voltaram a colocar o esférico dentro da baliza romana, mas o golo de Tadic seria anulado por haver uma falta na jogada. Edin Dzeko aos 72 minutos acabou com qualquer dúvida que restasse, fazendo o 1-1, 3-2 no agregado. A turma romana irá assim defrontar a equipa de Bruno Fernandes nas semifinais.

No outro lado da “árvore do torneio”, o Villarreal tinha vencido na Croácia por 1-0, pelo que quis garantir a sua passagem neste jogo. Paco Alcácer e Gerard Moreno marcaram na primeira parte para a equipa de Unai Emery, e Mislav Orsic ainda reduziu para o Dinamo Zagreb, oferecendo alguma esperança que uma reviravolta pudesse acontecer. O jogo terminou 2-1, pelo que os espanhóis vencem 3-1 e Unai Emery volta a estar presente nas semifinais da Liga Europa.

No último jogo, o Arsenal tinha se deixado empatar em casa frente ao Slavia Praga, mas uma exibição fortíssima na República Checa garantiu a passagem dos londrinos. Logo aos 15 minutos, Emile Smith Rowe marcou, mas o golo seria anulado.  O Arsenal respondeu rápido e em seis minutos marcou três golos, por meio de Nicolas Pépé, Alexandre Lacazette e Bukayo Saka. Ainda na segunda parte os Gunners marcaram mais um, com Alexandre Lacazette a fazer o bis. O Arsenal regressa assim às semifinais da competição (depois de 18/19), onde irá defrontar a equipa do seu antigo treinador.

Está assim definido o caminho para a final, mas quem serão os clubes que lá vão estar?

 

Fonte da Imagem: Twitter @Arsenal