Bayern, Dortmund e PSG recusaram participar na Superliga Europeia

Um tópico que deu muito que falar e promete não ficar por aqui. No seguimento do anúncio da criação da Superliga Europeia, já é certo que Bayern de Munique, Borussia Dortmund e PSG  não farão parte da nova competição.

A prova foi anunciada na noite de ontem e abalou o universo do futebol mundial, com entidades como a UEFA, FIFA e União Europeia a terem expressado o seu descontentamento com a sua criação. Com 12 dos 15 clubes fundadores da Superliga a serem conhecidos, resta saber quais serão os três restantes, sendo certo que o Bayern de Munique, Borussia Dortmund e PSG não serão os emblemas em questão.

A imprensa internacional é unânime em garantir que o Bayern de Munique e o Paris Saint-Germain foram convidados em participar na polémica competição, mas que ambos os clubes rejeitaram o convite. Entretanto, também o Borussia Dortmund anunciou publicamente a sua oposição à realização da prova.

Os membros do conselho da European Club Association (ECA) reuniram-se para uma conferência virtual na noite de domingo e confirmaram que a decisão do conselho da última sexta-feira ainda é válida. Esta decisão significa que os clubes querem implementar a reforma planeada da Liga dos Campeões da UEFA e que os planos para fundar uma Superliga foram rejeitados“, escreveu Hans-Joachim Watzke, presidente do conselho do clube alemão, em comunicado.

O dirigente garantiu ainda que o Bayern de Munique e o Borussia Dortmund estiveram completamente de acordo em relação à decisão respetiva à Superliga Europeia, numa posição partilhada pela Federação Alemã de Futebol e por Emmanuel Macron, que já veio “saudar a posição dos clubes franceses que se recusaram a participar num projeto ameaçador da solidariedade e do mérito desportivo“.

De salientar ainda que o FC Porto também não irá participar na Superliga Europeia, com Pinto da Costa, presidente portista, a ter anunciado a posição do clube em relação à prova na manhã de hoje.

Fonte da imagem de capa: Twitter @MunchenBrasil

Alexandre Dionisio

Desde pequeno fui levado ao mundo do futebol, inicialmente enquanto júnior no Ginásio Clube de Alcobaça, clube da minha cidade, e agora mais velho enquanto espetador assíduo do mágico desporto que tanto nos emociona. Com uma licenciatura em Ciências da Comunicação na bagagem e um mestrado em Jornalismo em curso, acompanho cada jogo com a máxima emoção. Que isso nunca mude.