Franco Cervi confirmado no Celta de Vigo

O Benfica continua a arrumar a casa e esta segunda-feira foi oficializada a venda de Franco Cervi ao Celta de Vigo por uma verba a rondar os cinco milhões de euros, com a possibilidade de acrescentar mais um e meio, se forem cumpridos certos objetivos.

Esta era uma saída já esperada e que esteve mesmo perto de acontecer em janeiro, mas Jorge Jesus travou o negócio por querer contar com o médio para a posição de ala esquerda até ao final da temporada que terminou. O jogador vai reencontrar Eduardo Coudet, atual treinador dos espanhóis que o comandou no Rosário Central em 2015 e 2016 e que é um apreciador confesso das suas qualidades, pretendo contratar o extremo desde que chegou a Vigo, em novembro de 2020.

A polivalência é uma das suas mais-valias mas, apesar de poder jogar a lateral esquerdo, é expectável que ocupe a posição de médio esquerdo, seja mais colado à ala num 4x4x2 clássico ou como um médio mais interior num sistema em losango, testado ao longo da temporada transata por Coudet.

Ainda com 27 anos e com um contrato até 2024 à sua espera, esta é uma oportunidade para o internacional argentino se afirmar novamente como titular indiscutível de um clube, depois da sua participação no clube da Luz ter decrescido no último ano de águia ao peito. Ainda assim, Franco Cervi sai com 172 jogos repartidos por cinco temporadas em Lisboa, onde marcou  21 golos e ganhou cinco troféus, de entre os quais se destacam dois campeonatos nacionais, em 2017 e 2019.  Na memória fica a raça de um jogador que era um dos preferidos dos adeptos por, apesar de ter limitações físicas e táticas, honrar o seu compromisso e dar o máximo sempre, independentemente dos minutos que jogasse.

Foto de capa: site RC Celta