Quem que te viu e que te vê: Moretto, muita promessa, pouco contributo

Por Portugal já passaram jogadores de classe mundial como Oblak, Ederson, Vítor Baía, entre outros. Contudo, os palcos portugueses também já presenciaram profissionais da modalidade que muito prometiam, apenas para sair sem glória ou fama de renome. O artigo de hoje aborda um dos guarda-redes em que os adeptos benfiquistas mais depositaram as suas esperanças, considerado como o sucessor direto de Quim na baliza do clube da capital

Read more